segunda-feira, 15 de setembro de 2008

SIMBOLOS



Carrego, hoje, todos os símbolos, que me deixaste.
Os anéis de todos os compromissos.
Os búzios que apanhámos na maré baixa.
O âmbar e a madre-pérola que me colocaste ao pescoço.
Os alfinetes com que prendeste a mim o que não querias de ti.
Os perfumes que me deixaste nas mãos.
As penas que me caíram na alma e enlacei nos cabelos.
A borboleta do teu amor peregrino.
Sinto-me assim enfeitada para a morte.
E assim quero ser enterrada...
Fada criança da magia que perdi!

4 comentários:

B. disse...

Magia que perdi... recupera, moça. Não deixa que levem tua magia embora não! Guarda com amor e com zelo, porque é tua e ninguém merece tirar de ti.
Um beijo!

Morgana disse...

dificil, isso está.
A magia é um estado de alma, quando a alma é capaz de ter algum estado que não seja o desespero e a tristeza!
Mas como tudo o que é magico está só ali ao lado à espera!

Voltará!

Beijos

Me Hate disse...

Voltará MESMO!

Morgana disse...

me hate
Quem devolverá a minha magia????